Sucos de uvas 'Bordô' e 'BRS Cora' cultivadas em sistema de produção orgânico na região da Serra do Sudeste

Suélen Braga de Andrade Kaltbach, Angélica Bender, Pedro Kaltbach, Marcelo Malgarim, Flávio Gilberto Herter, Vagner Brasil Costa, André Luiz Kulkamp de Souza

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar a composição físico-química de sucos de uvas 'Bordô' e 'BRS Cora' cultivadas em sistema de produção orgânico na região da Serra do Sudeste, no sul do Brasil, bem como comparar os resultados das cultivares com dados de outras regiões produtoras e com as exigências das leis brasileiras para suco de uva integral. As uvas utilizadas provieram de um vinhedo comercial, especificamente dos ciclos produtivos de 2016–2017, 2017–2018 e 2018–2019. Os sucos foram elaborados pelo método de arraste de vapor e avaliados quanto à sua composição físico-química. Os frutos mostraram níveis adequados dos parâmetros necessários para a produção de sucos. Em geral, os sucos apresentaram teores de compostos bioativos semelhantes aos encontrados em outras regiões produtoras. Os sucos de 'Bordô' das três safras avaliadas apresentaram diferenças significativas em vários dos parâmetros, as quais foram atribuídas à influência do clima sobre a maturação das uvas. Os sucos de 'BRS Cora' apresentaram resultados qualitativos de alta consistência, mesmo sob as tão distintas condições meteorológicas dos três ciclos produtivos. Os sucos atendem às regulações brasileiras vigentes para o suco de uva integral, exceto quanto aos valores de sólidos solúveis, que são severamente reduzidos pela técnica de extração utilizada.


Palavras-chave


Vitis labrusca; compostos bioativos; sistema de cultivo orgânico; composição físico-química.

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461