Diversidade genética molecular e agronômica entre genótipos de cevada sob irrigação no Cerrado brasileiro

Ricardo Meneses Sayd, Renato Fernando Amabile, Fábio Gelape Faleiro, Felipe Augusto Alves Brige, João Victor Pinheiro Melo

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar e comparar a diversidade genética de 29 genótipos de cevada, com base em marcadores moleculares e características agronômicas quantitativas, sob irrigação no Cerrado. Foram utilizados os marcadores moleculares “randomly amplified polymorphic DNA” (RAPD), “inter simple sequence repeats” (ISSR) e “simple sequence repeat” (SSR). As características agronômicas quantitativas foram avaliadas em dois ambientes, sob irrigação no Cerrado, quanto aos seguintes parâmetros: rendimento estimado de grãos, tamanho do grão, peso de mil sementes, altura de plantas, grau de acamamento e dias para espigamento. Os polimorfismos dos marcadores foram 91, 51,46 e 85% para RAPD, ISSR e SSR, respectivamente. Os marcadores RAPD, ISSR e SSR são complementares quanto à identificação da variabilidade genética dos genótipos de cevada. As baixas correlações entre as distâncias calculadas com base nos marcadores moleculares e as distâncias calculadas com base nas características agronômicas enfatizam a importância da utilização de análises complementares de marcadores moleculares para estudos mais completos quanto à variabilidade genética. As características agronômicas dos genótipos são distintas nos dois ambientes. Os genótipos selecionados podem compor a coleção de trabalho de cevada irrigada no Cerrado, em razão de sua ampla variabilidade genética.

Palavras-chave


Hordeum vulgare; variabilidade genética; ISSR; marcadores moleculares; RAPD; SSR

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461