Silagem ácida de peixe na dieta de pacu e tambacu criados à temperatura subótima fria

Camila Fernandes Corrêa, Thaís da Silva Oliveira, Antônio Fernando Leonardo, Rafael Vilhena Reis Neto, Dariane Beatriz Shoffen Enke

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar a suplementação da dieta de pacu e tambacu com silagem ácida de pescado durante o inverno. O delineamento experimental foi feito em arranjo fatorial 2 × 2 (dois grupos genéticos e duas dietas), com três repetições. O fator grupos genéticos foi composto pelo pacu (Piaractus mesopotamicus) e pelo tambacu (♀ Colossoma macropomum × Piaractus mesopotamicus). As duas dietas foram compostas com base em ingredientes vegetais; uma delas foi suplementada com silagem ácida de pescado (dieta silagem), e a outra foi uma dieta base sem suplementação. Doze tanques-rede, seis deles com pacu e seis com tambacu, foram utilizados como unidades experimentais, com dez peixes em cada um. Houve interação entre os fatores quanto ao comprimento final, massa final e ganho diário de massa. O pacu alimentado com a dieta silagem apresentou maior crescimento do que o pacu alimentado com a dieta base; no entanto, este efeito não foi observado no tambacu. Observou-se eficiência alimentar maior no pacu do que no tambacu, sem efeito das dietas. A suplementação da dieta com silagem ácida de pescado melhora o desempenho produtivo do pacu criado em temperatura subótima fria, mas não tem este efeito sobre o tambacu.


Palavras-chave


Piaractus mesopotamicus; Colossoma macropomum × Piaractus mesopotamicus; crescimento; proteína; inverno

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461