Influência de cinco cultivares de soja no consumo, desenvolvimento, fecundidade e fertilidade de Anticarsia gemmatalis

Gabriela E. Lesche Marques, Elio Corseuil Corseuil

Resumo


O presente trabalho foi conduzido em condições de laboratório,  à temperatura de 29 ± 2,5°C, fotoperíodo de 15 horas e umidade de 70 ± 10%, no Centro Nacional de Pesquisa de Trigo, da EMBRAPA, localizado no município de Passo Fundo, RS, durante 1980/81. Teve como objetivo avaliar o efeito das cultivares de soja (Glycine max (L.) Merrill) 'Paraná', 'Cobb', ‘BR 1', 'BR 3' e ‘BR 4', durante o período vegetativo tardio das plantas, no consumo, desenvolvimento, fecundidade e fertilidade de Anticarsia gemmatalis Hübner (1818). Constatou-se a influência do sexo no consumo e na duração total das fases imaturas. Observaram-se também efeitos significativos das cultivares no consumo e eficiência de conversão do alimento ingerido pelas lagartas, na duração total das fases imaturas, na taxa de fertilidade e potencial biótico. Ficou evidenciada a maior resistência da 'Cobb' e menor da 'BR 3' e 'BR 4' à lagarta-da-soja.


Palavras-chave


lagarta-da-soja; consumo foliar; potencial biótico

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461