Identificação dos genes Ty‑2 e Ty‑3 de resistência a begomovírus em genótipos de tomateiro

Jorge González Aguilera, Francisco Dueñas Hurtado, Cesar Augusto Diniz Xavier, Bruno Soares Laurindo, Carlos Nick, Marta Álvarez Gil, Derly José Henriques da Silva, Francisco Murilo Zerbini

Resumo


O  objetivo  deste  trabalho foi  identificar  a  presença  dos genes  Ty‑2 e Ty‑3, de resistência a begomovírus, em acessos de tomateiro do Banco de Germoplasma de Hortaliças da Universidade Federal de Viçosa. Os oligonucleotídeos TO302 F/R e FLUW25 F/R foram utilizados em reações de PCR, para verificar a presença de marcadores relacionados aos genes Ty‑2 e Ty‑3, respectivamente. Observou-se a presença do gene Ty‑2, em heterozigose na subamostra BGH-6881 (Solanum peruvianum), e do gene Ty‑3, em homozigose nas subamostras BGH-6878, BGH-6897 (S. lycopersicum)  e  em heterozigose  na subamostra BGH-6881. A identificação dos genes de resistência, com reações de PCR, representa um avanço para os programas de melhoramento de tomateiro no Brasil.


Palavras-chave


Solanum lycopersicum; Solanum peruvianum; geminivírus; PCR; recursos genéticos

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461