Determinação do período crítico de irrigação na cultura do trigo

Fernando Goulart de Andrade e Souza, Antonio Tubelis

Resumo


O trabalho teve como objetivo determinar os períodos críticos da cultura do trigo com respeito às necessidades hídricas. Foi feito um ensaio de irrigação em que se variou a duração do período de irrigação. Verificou-se que ocorrem dois períodos críticos antagônicos. Um, da fase de perfilhamento ao início da floração, que exige abundância de água, e outro, da segunda metade da fase de floração ao início do estágio de grão leitoso, em que a adição de água é prejudicial à produtividade. Calcularam-se equações de produtividade da cultura em função da água aplicada em períodos de dez dias. A equação que apresentou o maior coeficiente de correlação foi:

W = 362,4 + 13.866 P(50-59)                                  r = 0,9049

onde W é a produtividade de trigo em kg/ha e P(50-59) a água aplicada no período (50-59) dias, em milímetros. Analisou-se a variação de produtividade da cultura para o aumento de 1 mm na água aplicada. O maior valor de aumento de produtividade foi de 17,028 kg/ha. mm para o período (30-39) dias.


Palavras-chave


precipitação; necessidades hídricas

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461