Estabilidade de rendimento de variedades brasileiras de trigo

E.A. Osorio

Resumo


Foi estudado, pelo método proposto por Eberhart & Russell (1966), o comportamento de 19 variedades brasileiras de trigo, em seis locais do Rio Grande do Sul, nos anos de 1975 a 1979. Analisando o coeficiente de regressão dos rendimentos de grãos em relação à qualidade do ambiente, verificou-se que as variedades testadas, com exceção de IAS 62, ajustaram-se à linha média de regressão, reagindo quase todas de forma semelhante ante às variações ambientais. Quanto à estabilidade de rendimentos, a maioria das variedades comportou-se como estável, exceto IAS 55, IAS 58, IAS 61, Jacuí e Nobre, que apresentaram desvios da regressão significativos.


Palavras-chave


método Eberhart & Russell; método de regressão linear; coeficiente de regressão; desvios de regressão

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461