Valores bioquímicos no soro de cabras relacionadas ao estado fisiológico e raça, no nordeste semi-árido. III. Zinco e cobre

Maria Marina Unanian, Antonio Emidio D. F. Silva

Resumo


Estudaram-se os microelementos zinco e cobre, para estabelecer os seus níveis normais em cabras criadas na região semi-árida do Nordeste. Com essa finalidade, foi utilizado um lote de 153 animais, das raças mestiça Anglo-Nubiana, Canindé-Repartida, Marota, Moxotó e animais SRD (sem raça definida), durante vários estados fisiológicos: antes, início, término da prenhez e lactação. Os resultados mostraram uma relação altamente significante (P<0,0005) da concentração dos microelementos estudados com as raças e estados fisiológicos, sendo também alta (P <0,0005) a interação destes parâmetros. Houve ainda uma pequena significância (P<0,05) do nível do cobre em relação ao tipo do parto.


Palavras-chave


prenhez; lactação; caprinos

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461