Avaliação agronômica de gramíneas forrageiras sob pastejo

Milton de A. Botrel, Maurílio José Alvim, Otto Luiz Mozzer

Resumo


O trabalho foi conduzido no Centro Nacional de Pesquisa de Gado de Leite (CNPGL) da EMBRAPA, numa área de topografia acidentada e de baixa fertilidade natural. Avaliou-se agronomicamente 25 gramíneas forrageiras sob condição de pastejo em um delineamento de blocos ao acaso, repetidos três vezes. As espécies B. decumbens (BRA 000060 e BRA 000086), B. brizantha e S. sphacelata apresentaram altas taxas de crescimento como também proporcionaram boa cobertura do solo. As espécies P. maximum cv. Makueni e A. gayanus cv. Planaltina, apesar de se situarem entre as gramíneas mais produtivas, não foram eficientes na cobertura do solo. A aceitabilidade da forragem pelos animais foi alta para A. gayanus, B. ruziziensis, P. maximum cv.Makueni e S. sphacelata; baixa para B. humidicola B. dictyoneura; e intermediária para as demais espécies. O teor de proteína bruta (PB) foi relativamente alto para a maioria das gramíneas, variando entre espécies e épocas do ano.


Palavras-chave


produção de forragem; cobertura do solo; aceitabilidade; valor nutritivo

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461