Capacidade combinatória para frutificação em cultivares de nogueira macadâmia

Célio Kersul do Sacramento, Fernando Mendes Pereira, Dilermano Perecin, José Carlos Sabino

Resumo


Um experimento de cruzamentos dialélicos 5 x 5 foi conduzido na Estação Experimental de Tietê, SP, com o objetivo de avaliar a capacidade combinatória de nogueira macadâmia (Macadamia integrifolia Maiden & Betche), cultivares IAC Campinas A, IAC 2-23 A, IAC 4-12 B, IAC 4-20 e IAC 5-10. A avaliação de frutos fixados aos 14 dias após polinização manual revelou que todas as cultivares apresentaram auto-incompatibilidade. Houve diferenças significativas quanto a capacidades geral (CGC) e específica de combinação (CEC) e efeito recíproco (ER) entre elas. A cultivar IAC Campinas A reduziu a frutificação inicial em todos os cruzamentos em que participou como progenitor feminino. Os melhores resultados de frutificação inicial foram apresentados pelos cruzamentos entre as cultivares: IAC 4-20 x IAC Campinas A, IAC 4-12 B x IAC 2-23 A, IAC 4-20 x IAC 4-12 B, IAC 5-10 x IAC 2-23 A, IAC 5-10 x IAC 4-20, IAC 4-20 x IAC 2-23 A e IAC 5-10 x IAC 4-12 B.


Palavras-chave


polinização; <i>Macadamia integrifolia</i>; produção

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461