Adubação verde, fosfato natural e gesso para a cultura da mandioca em latossolo roxo textura argilosa

Francisco Dias Nogueira, Miralda Bueno de Paula, Paulo Tácito Gontijo Guimarães, Toshiyuki Tanaka

Resumo


Foram aplicados ao solo (Latossolo Roxo textura argilosa) 0, 1.000, 2.000 e 3.000 kg de fosfato natural/ha (apatita-de-araxá) e 0, 500 e 1.000 kg de gesso/ha em 05.09.86. A Crotalaria juncea foi plantada sem outra adubação adicional em 20.10.86 e incorporada ao solo no estádio de formação de vagens em 15.02.87. Aos 60 dias após a incorporação do adubo verde foi feita a análise de solo em todas as subparcelas. A cultivar IAC 12829, de mandioca, foi plantada em 05.11.87 e colhida em maio de 1989. O delineamento experimental foi o de blocos casualizados, no esquema de parcela subdividida, sendo o fatorial completo de fosfato natural x gesso na parcela e dois níveis do adubo verde na subparcela. Foram determinados os teores de nutrientes no limbo e no pecíolo e avaliadas as produções de raízes e ramas, o índice de colheita e a altura de plantas. Houve efeito benéfico do adubo verde e da fosfatagem para produção, componentes da produção e características químicas do solo, indicando que estes insumos de baixo custo podem ser adotados para a cultura da mandioca.


Palavras-chave


<i>Manihot esculenta</i>; apatita de Araxá; <i>Crotalaria juncea</i>; vagens

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461