Eficiência de uso de cobre em cultivares de soja

Adônis Moreira, Larissa Alexandra Cardoso Moraes, Thiago Assis Rodrigues Nogueira, Bruna Trovo Canizella

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar o efeito da eficiência do uso de cobre em cultivares de soja, cultivadas em Argissolo típico com alto teor de matéria orgânica, sobre os atributos químicos do solo e a produção de grãos, o estado nutricional e os componentes fisiológicos das plantas. O experimento foi realizado em condições de casa de vegetação, em arranjo fatorial 5×4, com cinco cultivares de soja (TMG 1066RR, BRS 360RR, NA 6262RR, BMX Turbo RR e BRS 359RR) e quatro doses de Cu (0, 2, 4 e 8 mg kg-1). Nas condições de solo estudadas, os extratores DTPA-TEA e Mehlich 1 foram eficientes na determinação do Cu disponível no solo. Independentemente das cultivares, a aplicação de cobre aumentou a produção de grãos (PG), a produção de massa seca da parte aérea (PMSPA), o número de vagens por vaso, a relação PG/PMSPA, a taxa fotossintética, a condutância estomática, a concentração interna de CO2, a taxa transpiratória e o teor de clorofila. No entanto, a eficiência do uso de Cu variou significativamente entre os diferentes genótipos de soja. Exceto para Cu, os atributos químicos do solo e os teores de nutrientes das folhas e dos grãos não são influenciados pelas doses de Cu nem pelas cultivares de soja.

Palavras-chave


Glycine max; DTPA-TEA; Mehlich 1; estado nutricional, componentes fisiológicos; componentes de produção

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461