Ganhos de seleção para produção de cachos em híbridos interespecíficos entre caiaué e dendê

Rui Alberto Gomes Junior, Ricardo Lopes, Raimundo Nonato Vieira da Cunha, Antônio José de Abreu Pina, Carlos Edmundo Quaresma, Raqueline Dias Campelo, Marcos Deon Vilela de Resende

Resumo


O objetivo deste trabalho foi estimar ganhos de seleção para produção de cachos em híbridos obtidos de genitores caiaué (Elaeis oleifera) da população Manicoré e dendê (Elaeis guineensis) da população La Mé, do terceiro ao oitavo ano após o plantio. Avaliaram-se 39 progênies de irmãos completos em experimentos conduzidos em delineamento de blocos ao acaso, com quatro repetições e 12 plantas por parcela. As estimativas de ganho genético foram de 27,6% para a seleção dos dez melhores indivíduos F1, 13,7% para a seleção das quatro melhores progênies de genitores de ambos os sexos, 6,4% para a seleção das progênies dos cinco melhores genitores masculinos, 6,0% para a seleção das progênies das duas melhores famílias de genitores masculinos, e 4,0% para a seleção das progênies da melhor descendência de genitores masculinos. É possível obter ganhos genéticos para produção de cachos, em curto prazo, com a seleção restrita a genitores masculinos, e, em médio prazo, com a seleção de genitores masculinos e femininos e com a clonagem de indivíduos F1.

Palavras-chave


Elaeis guineensis; Elaeis oleifera; produção de cachos; melhoramento genético de plantas; REML/BLUP

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461