Estado hídrico e produtividade de abacateiros 'Hass' em resposta à irrigação suplementar invernal

Tatiana Cantuarias-Avilés, Simone Rodrigues da Silva, Sérgio Figueiredo Angolini, Bruna do Amaral Brogio, Edypol Guilherme Baptista, Lígia Broglio Micheletti

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos da irrigação suplementar, durante a estação seca de inverno, no status hídrico e na produtividade de abacateiros 'Hass' (Persea americana). O experimento foi realizado em Latossolo argiloso de 2014 a 2016, quando eventos climáticos extremos foram registrados no Estado de São Paulo. O cultivo em sequeiro foi comparado com dois regimes de irrigação suplementar, aplicados durante o total e a metade do tempo de irrigação definido pelo produtor, o que equivaleu a 5.091 e 2.545 m3  h-1 de água, respectivamente. Foram avaliadas as variáveis: tensão de água no solo; potencial hídrico, coloração e teor de clorofila foliares; taxa de abscisão de folhas e frutos; tamanho das plantas; e tamanho e produção de frutos. A irrigação suplementar aplicada em metade do tempo de irrigação aumentou em 18,2% a produção de frutos. No entanto, a aplicação de irrigação de duração fixa e a ocorrência de chuvas atípicas durante a estiagem invernal favoreceram o encharcamento prolongado do solo, com efeitos negativos sobre o crescimento e o estado hídrico das árvores.

Palavras-chave


Persea americana; volume de copa; conteúdo de clorofila; irrigação por tempo fixo; encharcamento; eficiência produtiva

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461