Qualificação de clones da uva 'Bordô' no Vale do Rio do Peixe, em Santa Catarina

Alberto Fontanella Brighenti, Ricardo Allebrandt, Bruno Munhoz, Diego Poletto de Matos, Murillo Albuquerque Regina, Aparecido Lima da Silva

Resumo


O objetivo deste trabalho foi caracterizar o desempenho produtivo e qualitativo de 11 clones da uva 'Bordô' (Vitis labrusca), destinados à produção de vinhos e sucos, na região do Vale do Rio do Peixe, no Estado de Santa Catarina. O experimento foi realizado nas safras 2011, 2012, 2014 e 2015. Os componentes de rendimento analisados foram: número de cachos por planta, produtividade, massa de cachos, produtividade acumulada e índice de alternância de produção. As características morfológicas dos cachos analisadas foram: número de bagas por cacho, diâmetro de baga, compactação do cacho e comprimento do cacho. Para avaliar a qualidade da uva, foram analisados os seguintes parâmetros: sólidos solúveis (SS), pH, acidez titulável (AT), relação SS/AT, antocianinas totais e polifenóis totais. Os clones da uva 'Bordô' 13 e 16 ('Paco' e 'Bocaina') são os mais indicados para cultivo na região vitícola catarinense do Vale do Rio do Peixe, pois apresentam produtividade mais elevada, estabilidade de produção e uvas com qualidade adequada para a elaboração de vinhos e sucos.

Palavras-chave


Vitis labrusca; desempenho agronômico; seleção clonal; 'Ives'

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461