Estabilidade e adaptabilidade em linhagens de alface‑crespa por modelo misto REML/Blup

Willame dos Santos Candido, Renato Silva Soares, Carolina Andrade Franco, Guilherme Matos Martins Diniz, Edgard Henrique Costa Silva, Marcus Vinicius Marin, Leila Trevisan Braz

Resumo


O objetivo deste trabalho foi estimar a estabilidade e a adaptabilidade genotípica de linhagens avançadas e cultivares de alface-crespa (Lactuca sativa), em diferentes sistemas de cultivos e épocas, pelo modelo misto REML/Blup. Foram avaliados dez genótipos de alface, sete sistemas de cultivo e duas épocas, em 2015. Avaliaram-se os caracteres de produção das plantas, e os dados foram submetidos ao programa Selegen-REML/Blup. A estabilidade e a adaptabilidade genotípica foram analisadas pelos métodos da média harmônica dos valores genotípicos (MHVG) e do desempenho relativo dos valores genotípicos (PRVG), respectivamente. A média harmônica do PRVG (MHPRVG) foi utilizada para estimar simultaneamente a estabilidade, a adaptabilidade e a produtividade das linhagens e das cultivares. Ao se considerar a análise conjunta das duas épocas para o conjunto dos caracteres, as linhagens L6, L7 e L8 foram selecionadas como promissoras e recomendadas para plantio. As linhagens selecionadas para todas as épocas apresentam bons rendimentos e são consideradas  superiores às cultivares comerciais Vanda e Vera.


Palavras-chave


Lactuca sativa; sistemas de cultivos; MHPRVG; modelos mistos

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461