Parâmetros biológicos e exigências térmicas de Trichogramma pretiosum sobre ovos de Helicoverpa armigera

Gabriel dos Santos Carvalho, Luciana Barboza Silva, Soislan Sousa Reis, Maisa Sousa Veras, Eliane Carneiro, Mayra Layra dos Santos Almeida, Alexandre Faria da Silva, Gleidyane Novais Lopes

Resumo


O objetivo deste trabalho foi determinar os parâmetros biológicos e as exigências térmicas de Trichogramma pretiosum linhagem TM sobre ovos de Helicoverpa armigera. Para cada fêmea, foi oferecida uma cartela contendo 20 ovos de H. armigera, às temperaturas de 18, 20, 22, 25, 28, 30 e 32°C. Todos os estádios de vida de T. pretiosum foram observados sob as dadas condições de temperatura. A temperatura ótima para o parasitismo de T. pretiosum foi de 25°C e a maior longevidade foi verificada à mesma temperatura. As maiores taxas de emergência do parasitoide foram às temperaturas de 22, 25 e 28°C. A maior proporção de indivíduos de T. pretiosum emergidos por ovo foi observada a 18°C. Quanto à razão sexual, a maior proporção de fêmeas ocorreu a 28°C, e o maior percentual de viabilidade do parasitismo foi observado à mesma temperatura. O limiar térmico inferior para o desenvolvimento pré-imaginal total e as exigências térmicas de T. pretiosum foram de 10,82°C e 134,55 grau-dias, respectivamente. O número estimado de gerações de T. pretiosum às temperaturas médias do Município de Bom Jesus, Piauí, foi de 4 por mês


Palavras-chave


Trichogrammatidae; controle biológico; parasitoide; temperatura

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Informação Tecnológica
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-4231 / 3448-4162 - Fax: (61) 3272-4168