Caracterização espectral de plantios florestais com imagens Landsat 8/OLI para planejamento e manejo florestal

Elisiane Alba, Eliziane Pivotto Mello, Juliana Marchesan, Emanuel Araújo Silva, Juliana Tramontina, Rudiney Soares Pereira

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar o uso de imagens Landsat 8/OLI na diferenciação da idade e na estimativa do volume total de Pinus elliottii, para determinar a aplicabilidade desses dados no planejamento e no manejo da atividade florestal. Foram instaladas 53 unidades amostrais e mensuradas as variáveis dendrométricas de povoamentos comerciais de P. elliottii aos 9 e 10 anos. Os números digitais da imagem foram convertidos à reflectância de superfície e, posteriormente, foram elaborados índices de vegetação. A diferenciação da idade dos povoamentos baseou-se nos valores de reflectância da banda do vermelho e do infravermelho próximo. A análise de regressão das variáveis espectrais foi utilizada na estimativa do volume total. O aumento da idade propiciou um acréscimo da reflectância na banda do infravermelho próximo e uma redução na banda do vermelho. A equação geral de estimativa do volume total para P. elliottii apresentou R²adj de 0,67 com Syx de 31,46 m³ ha-1. Dessa forma, os dados espectrais de média resolução espacial provenientes do satélite Landsat 8/OLI podem ser utilizados na distinção das fases de crescimento dos povoamentos sendo, portanto, passíveis de utilização no planejamento e no manejo adequado da atividade florestal em escala espacial e temporal.


Palavras-chave


Pinus elliottii; sensoriamento remoto; índices de vegetação; modelagem do volume

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Informação Tecnológica
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-4231 / 3448-4162 - Fax: (61) 3272-4168