Modelos econômicos e climáticos para estimativa da oferta cafeeira

Adriana Ferreira de Moraes-Oliveira, Lucas Eduardo de Oliveira Aparecido, Sergio Rangel Fernandes Figueira

Resumo


O objetivo deste trabalho foi estimar a oferta cafeeira por meio da calibração de modelos estatísticos, com variáveis econômicas e climáticas, das principais regiões produtoras do Estado de São Paulo. As regiões estudadas foram Batatais, Caconde, Cássia dos Coqueiros, Cristais Paulista, Espírito Santo do Pinhal, Marília, Mococa e Osvaldo Cruz. Foram utilizados dados de oferta cafeeira, variáveis econômicas (crédito rural, crédito rural na agricultura e valor da produção) e variáveis climáticas (temperatura do ar, precipitação pluvial, evapotranspiração potencial, deficiência e excedente hídrico) de cada região, para o período de 2000–2014. Os modelos foram calibrados com uso de técnicas de regressão linear múltipla, e todas as combinações possíveis foram testadas para a seleção das variáveis. A oferta cafeeira foi a variável dependente, e as demais, as independentes. A acurácia e a precisão dos modelos foram analisadas pelo erro percentual médio e pelo coeficiente de determinação ajustado, respectivamente. As variáveis que mais influenciam a oferta cafeeira são o valor de produção e a temperatura do ar. É possível estimar a oferta cafeeira com regressões lineares múltiplas por meio de variáveis econômicas e elementos climáticos. Os modelos mais acurados são os calibrados para estimar a oferta cafeeira das regiões de Cássia dos Coqueiros e Osvaldo Cruz.


Palavras-chave


Coffea arabica; clima; econometria; modelagem; crédito rural

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461