Produção de forragem e atributos químicos e físicos do solo em sistemas integrados de produção agropecuária

Carolina dos Santos Batista Bonini, Gelci Carlos Lupatini, Cristiana Andrighetto, Gustavo Pavan Mateus, Reges Heinrichs, Aline Sampaio Aranha, Erikelly Aline Ribeiro Santana, Guilherme Constantino Meirelles

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar a produção de forragem de capim-marandu (Urochloa brizantha) e os atributos químicos e físicos do solo, em sistemas integrados de produção. Foram avaliados os sistemas de integração lavoura-pecuária e lavoura-pecuária-floresta, em linhas simples (200 árvores por hectare) e linhas triplas (500 árvores por hectare), além do plantio exclusivo de eucalipto. A resistência mecânica à penetração do solo e a produção de forragem não diferiram entre os sistemas. A infiltração de água no solo foi menor nos sistemas agrossilvipastoris. Após dois anos da implantação dos sistemas, os teores de matéria orgânica, cálcio, magnésio e fósforo, na camada de 0–20 cm, aumentaram.


Palavras-chave


Urochloa brizantha, capim-marandu, matéria orgânica, sistema agrossilvipastoril, taxa de infiltração.

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461