Ocorrência da hematúria enzoótica e de carcinomas epidermóides no trato digestivo superior em bovinos no Brasil

Jurgen Döbereiner, Carlos Hubinger Tokarnia, Camilla F. C. Canella

Resumo


Foram estudadas três doenças em bovinos que ocorrem em certas regiões do Brasil: uma em que há hematúria intermitente crônica, outra caracterizada por ronqueira e dificuldade de deglutição, e a terceira em que há regurgitamento de alimentos e timpanismo crônico, todas três com emagrecimento progressivo e terminando sempre com a morte do animal. Os estudos mostram que: 1) a hematúria intermitente crônica é devida à presença de lesões vesicais, que consistem principalmente em proliferações neoplásicas, enquadrando-a na hematúria enzoótica dos bovinos, 2) os sintomas da doença caracterizada por ronqueira e dificuldade de deglutição são devidos à presença de carcinoma epidermóide na faringe, e 3) na doença com regurgitamento de alimentos e timpanismo crónico este distúrbio é causado por carcinoma epidermóide no esôfago. Foi verificada nos diversos quadros a coexistência de lesões atribuídas aos outros quadros no mesmo animal. Opinam os autores que os três quadros clínicos realmente devem ser manifestações diversas, relacionadas com a mesma etiologia. A lesão mais acentuada, aquela que finalmente causaria o aparecimento de sintomas, determinaria o tipo do quadro clínico apresentado pelo animal. As regiões onde ocorrem estas doenças têm como característica comum a infestação dos pastos pela "samambaia" (Pteridium aquilinum (L.) Kuhn var. arachnoideum). Por outro lado observou-se que estas doenças somente ocorrem nessas regiões. Baseando-se em suas observações e em dados bibliográficos, os autores acham provável que a ocorrência de P. aquilinum desempenhe papel importante na etiologia não somente das lesões vesicais, mas também nos processos neoplásicos do trato digestivo superior vistos por eles.


Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461