Análise quantitativa de crescimento de quatro variedades de milho em três densidades de plantio, através de funções matemáticas ajustadas

Eduardo Caruso Machado, Antonio Roberto Pereira, Joel Irineu Fahl, Hermano Vaz Arruda, William José da Silva, J.P.F. Teixeira

Resumo


Quatro variedades de milho foram cultivadas em três DP. Dentro de cada DP, tais variedades não apresentaram diferenças significativas quanto às características biométricas do crescimento. Houve, no entanto, efeito da DP. O aumento em DP induziu decréscimo tanto no PS/P como na AF/P, porém sem alterar a distribuição relativa de MS entre os diversos órgãos componentes da planta. A variação temporal do PS e da AF foram convenientemente descritos pela função logística e pela parábola modificada, respectivamente. Os índices fisiológicos obtidos através da manipulação dessas funções apresentaram as seguintes tendências: a. não houve efeito significativo das DP utilizadas sobre a TCR e a RAF; b. a TCC e a TCG aumentaram com o aumento em DP; c. a TAL respondeu, aparentemente, à demanda de fotossintetizados pelos órgãos reprodutivos; d. o IC não foi afetado pela DP e permaneceu ao redor de 0,4; e. o TSS no colmo, por ocasião da maturação, foi independente das DP utilizadas e relativamente alto, indicando que as variedades estudadas não realizaram seu potencial de produção, visto que os carboidratos imobilizados no colmo representam energia fixada pela fotossíntese e inaproveitada para produção de grãos; f. as palhas e sabugo contribuíram com 25-30% do peso seco total da espiga.


Palavras-chave


índices fisiológicos; função logística; parábola modificada; índice de colheita

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461