Análise genética de um cruzamento dialélico de cultivares de tomate. II. Características vegetativas

João Eustáquio Cabral de Miranda, Wilson Roberto Maluf, Joenes Pelúzio de Campos

Resumo


Análise genética de características vegetativas das plantas do tomateiro (Lycopersicon esculentum Mill.) foi efetuada em um cruzamento dialélico de seis cultivares: Kada, Santo Antônio, São Sebastião, Ângela, Floradel e BGH 3470, pelo método de Jinks-Hayman. As seis cultivares parentais e seus quinze híbridos possíveis foram testados no ano de 1977, em dois locais: Viçosa e Ponte Nova, MG. Não houve evidência de epistasia nem de sobredominância em nenhuma das características estudadas. Houve dominância completa para maior número de cachos por planta, maior altura de planta e maior número de internódios por planta; e dominância incompleta para maior número de frutos por cacho e menor número de lóculos por fruto.

Palavras-chave


Lycopersicon esculentum Mill.; melhoramento; dialelo; ação gênica

Texto completo:

PDF PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461