Ajuste de modelos polinomiais de 2º grau em pesquisas com fertilizantes

Francisco José Pfeilsticker Zimmermann, Armando Conagin

Resumo


O ajuste de modelos polinomiais em pesquisa com fertilizantes é grandemente afetado pelo modelo usado, pelo coeficiente de variação, localização do ponto de máximo e agrupamento de experimentos. Visando obter indicações dos seus efeitos nestes ajustes de modelos polinomiais cm pesquisas com fertilizantes, 2.400 experimentos foram simulados, no delineamento fatorial 1/5 (5 x 5 x 5). Verificou-se que são obtidos melhores ajustes quando se agrupa maior número de experimentos (dez), quando os experimentos tiveram menor coeficiente de variação e quanto mais à esquerda, na curva, estiver localizado o ponto de máximo. Neste trabalho o modelo quadrático foi o de melhor ajuste, independentemente do modelo gerador.


Palavras-chave


superfícies de resposta; modelo quadrático; coeficiente de variação; ajuste de curvas; modelo gerador

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461