Análise de QTL da produtividade em linhagens de introgressão de Oryza sativa x O. glumaepatula

Priscila Nascimento Rangel, Rosana Pereira Vianello, Arthur Tavares Oliveira Melo, Paulo Hideo Nakano Rangel, João Antônio Mendonça, Claudio Brondani

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar o desempenho produtivo de duas gerações (RC2F2 e RC2F9) de linhagens de introgressão, desenvolvidas a partir do cruzamento interespecífico entre Oryza sativa e O. glumaepatula, bem como identificar marcadores SSR associados à produtividade. O acesso selvagem RS‑16 (O. glumaepatula) foi utilizado como doador parental no retrocruzamento com a cultivar elite Cica‑8 (O. sativa). Uma série de 114 linhagens de introgressão RC2F1 foi genotipada com 141 locos SSR polimórficos distribuídos ao longo de todo o genoma do arroz. A análise molecular indicou que, em média, 22% do genoma de O. glumaepatula foi introgredida na geração RC2F1. Nove linhagens de introgressão RC2F9 tiveram produção significativamente maior que o genitor Cica‑8, o que mostra uma interação genômica positiva entre o arroz cultivado e a espécie silvestre O. glumaepatula. Sete QTL foram identificados em toda geração RC2F2, com um intervalo de marcadores (4879‑EST20) de grande efeito sobre a produtividade. Os alelos com efeitos positivos sobre a produtividade foram provenientes do genitor cultivado Cica‑8.


Palavras-chave


AB‑QTL; melhoramento; base genética; marcadores moleculares; região‑alvo do genoma; desempenho produtivo.

Texto completo:

PDF (English)


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461