Absorção e redistribuição de boro em coqueiro-anão-verde

Leandro Glaydson da Rocha Pinho, Pedro Henrique Monnerat, André Assis Pires, Anselmo Lúcio Aroucha Santos

Resumo


O objetivo deste trabalho foi verificar se ocorre redistribuição de boro em coqueiros (Cocos nucifera), quando a aplicação de ácido bórico é realizada na axila foliar ou no solo. Foram empregados os seguintes tratamentos com ácido bórico: 30 g aplicados sobre a axila da folha número 10; 60 g aplicados ao solo; e controle, sem aplicação. Foram realizadas duas aplicações de B, com um intervalo de cinco meses entre elas. A unidade experimental consistiu de duas plantas, com seis repetições, em delineamento inteiramente casualizado. Foram determinados os teores de boro nas folhas 2, 6, 10, 14 e 18, aos dois e quatro meses após a primeira aplicação de ácido bórico, e aos dois e cinco meses após a segunda aplicação. O boro se redistribuiu pela planta de coqueiro, independentemente da forma de aplicação. A elevação do teor de boro nas folhas persistiu por mais tempo, quando a aplicação de ácido bórico foi feita ao solo. As doses de ácido bórico aplicadas não causaram fitotoxidade, mesmo quando a aplicação foi repetida após um curto período.

Palavras-chave


<i>Cocos nucifera</i>; filotaxia do coqueiro; micronutriente; nutrição mineral; translocação de boro

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461