Adubação nitrogenada no consórcio de milho com duas espécies de braquiária em sistema plantio direto

Nídia Raquel Costa, Marcelo Andreotti, Roberta de Aquino Gameiro, Cristiano Magalhães Pariz, Salatiér Buzetti, Keny Samejima Mascarenhas Lopes

Resumo


O objetivo deste trabalho foi avaliar a produtividade de grãos e de forragem do consórcio entre milho e espécies de braquiária (safras de 2008/2009 e 2009/2010), submetidos a doses de nitrogênio em cobertura, em sistema plantio direto. Utilizou-se o delineamento experimental inteiramente casualizado, com quatro repetições, em arranjo fatorial 2x5, com duas espécies de braquiária (Urochloa brizantha, 'Xaraés' e U. ruziziensis) e cinco doses de N aplicadas em cobertura: 0, 50, 100, 150 e 200 kg ha‑1. Foram avaliados: leituras indiretas do teor foliar de clorofila (índice de clorofila Falker, ICF), teores de macronutrientes foliares, componentes da produção e produtividade de grãos do milho, e produtividade de matéria seca das forrageiras após o consórcio. Constatou-se que a espécie U. ruziziensis foi a mais competitiva com o milho em consórcio, o que proporcionou menores teores nutricionais e ICF nas duas safras analisadas. O crescimento vegetativo, os componentes da produção e a produtividade de grãos do milho não foram influenciados pelos consórcios. A adubação nitrogenada em cobertura aumenta linearmente a massa de 100 grãos (safra de 2008/2009), e todos os componentes da produção e a produtividade de grãos (safra de 2009/2010).

Palavras-chave


Urochloa brizantha 'Xaraés'; Urochloa ruziziensis; Zea mays; clorofila; integração lavoura‑pecuária; nitrogênio.

Texto completo:

PDF


Embrapa Sede
Parque Estação Biológica - PqEB - Av. W3 Norte (final) Caixa Postal 040315 - Brasília, DF - Brasil - 70770-901
Fone: +55 (61) 3448-2461